A beleza masculina também é para ser admirada?

“O masculino … Para ele é dito para não chorar. Para ele é dito para não estender a mão para o conforto ou segurança. É dito para não pedir ajuda ou para se permitir ser visto como inseguro. É dito para não tremer ou encolher frente ao perigo. É dito para não cantar de alegria. Quando ele consegue subir no pedestal de respeito e apreço, ele descobre que é um pedestal estreito, solitário e precário. Através de tudo isso, ele anseia por ser necessário e realizar um senso de propósito” – David Bollt

Ao se referir a pessoas, a palavra “beleza” é geralmente associada com as mulheres, mais do que os homens. Descrevemos também uma infindável variedade de coisas não-humanas – tais como flores, pôr do sol, paisagens e até mesmo carros – como “belo”, mas por alguma razão, este termo não é comumente usado para descrever os homens. Embora ‘bonito’ é uma bela palavra para descrever um homem tão atraente, ele não consegue abraçar a gama completa da humanidade masculina.

Por quê? Existem preconceitos culturais que influenciam a forma como nos relacionamos com os homens? Ou existem apenas diferenças naturais em como nós experimentamos isso?

Com um pouco de prática, os seres humanos têm uma capacidade infinita de experimentar a beleza. Em um determinado momento, você pode ser atingido por beleza como quando você encontra alguém atraente. Em outro momento, você pode testemunhar uma qualidade diferente de beleza, como você contemplar a sabedoria e caráter gravado na face de uma pessoa idosa.

Independentemente do seu sexo ou orientação sexual, convidamos a ter um momento para transcender associações habituais da linguagem, e experimentar estas imagens de homens como simplesmente bonitas.

Para alguns, isso é confrontar, para outros é perfeitamente natural.

Não sugerimos que você deve ver as coisas de uma maneira ou de outra. No entanto, pensamos na beleza como uma oportunidade. Acreditamos que a capacidade e a vontade de experimentar a beleza – em si mesmo e em outros – é um presente que você pode dar a si mesmo e ao mundo.

Texto Original: Can you experience men as beautiful too?

A beleza está em toda parte

A beleza está em toda parte e Mihaela Noroc, uma fotógrafa romena, continua sua jornada para provar isso, viajando o mundo e fotografando mulheres deslumbrantes. Seu projeto é chamado de “O Atlas da beleza”, e ela fez fotos de 37 países cerca de um ano atrás. Agora, ela está de volta com mais fotos!

“Nos últimos dois anos eu viajei todo o mundo e eu fotografei centenas de mulheres em diversos ambientes”, escreveu ela. “Meu objetivo é mostrar que a beleza está em nossas diferenças, e não em tendências, dinheiro ou raça.”

“Através de minha fotografia eu quero capturar essa sensação de calor e serenidade que é tão específico para as mulheres e vem para equilibrar toda a negatividade que vemos na mídia. Acho que as pessoas deveriam ser mais conscientes sobre outras culturas e beleza pode nos ensinar a ser mais tolerante. ”

Mais informações: theatlasofbeauty.com  |  Facebook  | Instagram | Indiegogo

Fonte: Bored Panda by Paulina Tikunova